domingo, 16 de setembro de 2007

Final - Grêmio 2 x 1 Sport Recife




"Uma dessas demonstrações ocorreu durante um jogo emblemático na história do Grêmio, que marcou a conquista da primeira Copa do Brasil, em 1989. Personagem da vitória do Tricolor por 2 a 1 sobre o Sport, Mazaropi relata com carinho o apoio recebido das arquibancadas: "Saímos vencendo (por 1 a 0) e no gol de empate (do Sport) fui infeliz no lance. Foi um choque para todos porque a igualdade dava o título para eles. Estava indignado comigo mesmo".

O que Mazaropi ouviu em seguida não permitiu que ele esmorecesse no momento decisivo. "O estádio inteiro começou a gritar o meu nome e isso não tem preço. Recebi o reconhecimento e isso foi fundamental. A torcida me deu a noção da confiança que eu tinha e acabamos conquistando a Copa do Brasil com uma campanha invicta", argumenta. Depois do empate do Leão, o ex-atacante Cuca marcou o segundo gol gremista e garantiu o título." (Correio do Povo - 27/novembro/2012)







GRÊMIO: Mazaropi; Alfinête (Transante 30/1), Luiz Eduardo, Edinho, Hélcio; Jandir, Lino, Cuca, Assis; Nando (Almir 27/2), Paulo Egídio.
Técnico: Cláudio Duarte

SPORT: Rafael; Betão, Márcio Alcântara, Aílton, Aírton; Rogério (André 01/2), Lopes (Edinho 02/2), Joécio; Marcos Vinícius, Barbosa, Édson.
Técnico: Nereu Pinheiro


Local: 2/9/1989 – Sábado - 16h00min
Local: Olímpico, Porto Alegre-RS
Público: 62.807
Renda: NCz$ 548.096,00
Juiz: José de Assis Aragão-SP
Cartões Amarelos: Aírton
Cartões Vermelhos: Betão 45/1
Gols: Assis 09/1T, Mazaropi 31/1T (contra), Cuca 07/2T

Nenhum comentário: